Homem esfaqueia irmão e é morto a pauladas em briga por terra


pedaco-de-pau

Uma briga entre três irmãos motivada por disputa de terra terminou com um morto a pauladas e outro esfaqueado, nesta quinta-feira (22), em Quijingue, a cerca de 300 quilômetros de Salvador. O crime ocorreu em uma fazenda no povoado conhecido como Sítio, na zona rural do município.

De acordo com informações da Polícia Civil, um dos homens, Evaldo Pereira de Amorim, começou a discutir com o irmão Edimauro de Amorim Pereira. Conforme a investigação, Evaldo não permitia que Edimauro plantasse na propriedade rural da família alegando ser o verdadeiro dono da terra.

Durante a briga, Evaldo agrediu Edimauro com uma faca. O outro irmão dos dois, João Pereira de Amorim, entrou na discussão e, para defender Edimauro, agrediu Evaldo com  pauladas na cabeça. Evaldo não resistiu e morreu ainda no local, segundo a polícia.

Ferido com a faca, Edimauro foi socorrido e levado em estado grave para o hospital de Quijingue, que fica a cerca de 18 quilômetros do local onde ocorreu o crime.

O homem, no entanto, teve de ser transferido horas depois para o Hospital Geral Clériston Andrade, em Feira de Santana, a 100 quilômetros da capital baiana. Não há informações atualizadas sobre o estado de saúde dele.

Após agredir e matar o irmão a pauladas, João fugiu do local e agora está sendo procurado, segundo a polícia. Agentes do Batalhão da Polícia Militar realizaram rondas na região, mas não conseguiram localizar o suspeito.

A propriedade rural foi deixada de herança pela mãe dos envolvidos, conforme a Polícia Militar, mas é motivo de disputa entre os herdeiros. Os três haviam se envolvido em outra briga na última segunda-feira (19) pelo mesmo motivo.