ROUBO SEGUIDO DE MORTE: Número de latrocínios cresce 57,8% em sete anos no Brasil


O número de latrocínios (roubos seguidos de morte) cresceu 57,8% em sete anos no País. A conclusão está no 11º Anuário do Fórum Brasileiro de Segurança, que será lançado hoje (30) em São Paulo. De acordo com o estudo, que concentra estatísticas oficiais das autoridades de segurança dos Estados, em 2016 foram registrados 2.514 assassinatos cometidos durante o ato do roubo ou em consequência dele. Na edição anterior do estudo, divulgada em 2010, o número havia sido de 1.593.

O número de latrocínios aumentou em 19 Estados
Rondônia, Tocantins e Rio de Janeiro foram os estados com maior crescimento no número de casos  

Em 19 Estados houve aumento nesse tipo de crime. Rondônia (124%), Tocantins (73%) e Rio de Janeiro (70%) foram os Estados com maior crescimento. No outro extremo, entre as unidades da federação em que os índices de latrocínio regrediram, as principais quedas foram em Roraima (45%), Paraíba (28%) e Amapá (23%). Nos seis estados mais populosos além do Rio de Janeiro, foram registradas altas em São Paulo (1,2%), Bahia (1,4%), Paraná (8,3%), Rio Grande do Sul (17,1%) e Pernambuco (45%). Apenas em Minas Gerais houve recuo, de 10,6%.

Na relação entre o número de latrocínios e a população, o Pará aparece como o mais violento, com 2,6 casos por 100 mil habitantes no ano. Outros quatro Estados superaram o índice de 2/100mil: Pará, Goiás, Amapá, Amazonas e Sergipe. Na outra ponta da tabela, Tocantins, São Paulo, Santa Catarina, Paraíba, Paraná e Minas Gerais ficaram abaixo de um por 100 mil. A taxa média do país é de 1,2 latrocínios a cada 100 mil habitantes.

Para especialistas, a alta generalizada tem relação direta com a crise econômica que o País tem enfrentado. Sem recursos, os estados reduziram os investimentos em estrutura e pessoal nos últimos anos.

Sancionada lei que torna crime hediondo o porte de arma de uso restrito


pistolad-1200x545_c

O presidente Michel Temer confirmou na tarde desta quinta-feira, 26, ter sancionado o projeto de lei que torna crime hediondo o porte ilegal de arma de fogo de uso restrito das Forças Armadas. Durante uma solenidade com a presença do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, Temer afirmou ter sancionado a lei nesta manhã.

“Quero dizer que, na manhã de hoje, eu sancionei esse projeto mencionado pelo prefeito Marcelo Crivella. Projeto que impede o uso de armas de porte exclusivo de uso do Exército, da Marinha e da Aeronáutica. Porque é isto que aflige o povo do Rio de Janeiro”, disse o presidente.

O prazo para a sanção do projeto de lei estava terminando nesta quinta. A iniciativa da proposta de lei foi de autoria do próprio Crivella, quando ainda era senador, tendo sido aprovado no plenário da Câmara em agosto.

O crime hediondo prevê tratamento mais severo pela Justiça. O condenado, ao receber a pena, deve cumpri-la inicialmente em regime fechado. A progressão do regime para uma pena mais branda só é possível após o cumprimento de dois quintos da pena, se o réu for primário, e de três quintos, se reincidente.

WhatsApp começa a liberar função de deletar mensagens


androidpit-whatsapp-hero-16

WhatsApp começou a liberar a esperada função de deletar mensagens enviadas pelo app nesta quinta-feira (26). Os usuários estão recebendo a novidade aos poucos.

A ideia é que agora, se você mandar uma mensagem e se arrepender rapidinho, consiga apagar. Vale também para aquelas mensagens que você manda sem querer para o grupo errado. Claro que há um tempo para isso: você só pode deletar a mensagem em até sete minutos depois de ser enviada.

A novidade está sendo disponibilizada para usuários dos sistemas Android, iOS e Windows Phone. Em inglês, a função foi batizada de “delete to everyone” (apagar para todos). Outra função, que já existe hoje, é a “delete for me” (apagar para mim), em que você apaga a mensagem apenas no seu app.

Se você ainda não recebeu a função, a hora é de calma. Em breve, o app deve ter espalhado a novidade para todos se o sistema funcionar corretamente. A ativação da ferramenta é devagar, segundo o WABeta info.

A função está em fase de testes desde o final do ano passado. O Telegram, concorrente do WhatsApp, já tem essa opção.

Como funciona?
A função vale para qualquer tipo de arquivo, incluindo texto, fotos, gifs, mensagem de voz… Basta clicar sobre a mensagem e escolher a opção deletar. Atualmente, o usuário consegue apenas apagar a mensagem no seu próprio mensageiro. Com a novidade, vai poder optar por remover o que mandou para todos.

A mensagem deletada vai aparecer no chat como o aviso “esta mensagem foi deletada”. Isso só vai valer para quem já estiver com o dispositivo atualizado. Se alguém do grupo, por exemplo, ainda não estiver com a novidade, vai continuar vendo a mensagem.

Vídeo: Namorados adolescentes morrem afogados na praia de Mucuri


2a1867450d0127408200ba48ce7b1bf4dbb341c2

Um afogamento ocorrido na tarde deste domingo (22), por volta da 14:30h, tirou a vida dos adolescentes até o momento identificados como, Sabrina Neves, de 14 anos e seu namorado Biel. Segundo informações ainda não confirmadas, Sabrina estava na praia escondida da mãe com mais alguns amigos, uma das amigas conseguiu se salvar e pessoas estão em busca de mais duas que estariam desaparecidas.

Veja vídeo:

Menino de 6 anos morre após comer bolo envenenado; tia é suspeita do crime


bolod-1200x545_c

O corpo de uma criança de 6 anos de idade foi levado para o Departamento de Polícia Técnica de Feira de Santana (DPT), sob suspeita de morte por envenenamento. Segundo a polícia, Luis Felipe Moura Teixeira Conceição, que morava no condomínio Viva Mais Papagaio, na Avenida Ayrton Senna, em Feira, morreu após comer um pedaço de bolo envenenado com chumbinho.

O fato ocorreu durante uma festa de aniversário na Fazenda Paulista, na zona rural de Santo Estevão. O pequeno Luis Felipe ainda foi socorrido para o Hospital Dr .João Borges de Cerqueira, em Santo Estêvão , após começar a sentir-se mal, mas não resistiu.

Ainda segundo a polícia, o envenenamento tem como suposta responsável a tia do garoto, Tereza Moura Teixeira, que é esquizofência e já foi internada diversas vezes para fazer tratamentos. Inclusive, na semana passada, ela teria tentado envenenar o próprio pai colocado o mesmo tipo de veneno no leite. Ele ficou internado e está se recuperando.

A polícia está investigando o caso. O levantamento cadavérico foi realizado pela delegada Dorean dos Reis Soares. A festa de aniversário era da acusada do crime.

Homem é encontrado morto em praia de Caravelas


64f625a5-ebcc-428a-a790-8c2c2093f011

Um corpo masculino ainda sem identificação foi encontrado na manhã desta sexta-feira 6 de outubro, na praia de Caravelas.

De acordo ionada pela Marinha por volta das 8 horas informando que haviam encontrado um corpo de pele clara, vestido uma calça jeans, azul sem camisa, em estado de decomposição no referido local.

Ainda segundo o perito, animais que habitam no mar e até mesmo urubus deterioram a maior parte do corpo. O exame de papiloscopia já foi realizado para tentar identificar o corpo que se encontra no Instituto Médico Legal de Teixeira de Freitas.  (Por: Uinderlei Guimarães)

PROQUALISETUR: Noções Conceituais do Turismo


Nocoes_turismo_prado

A Secretaria Municipal de Turismo, Cultura e Esporte de Prado, junto com a SETUR, realizaram no Sindicato Rural de Prado, nesta quarta-feira (27), o curso de Noções Conceituais do Turismo, ministrados pelos técnicos da Secretaria de Turismo do Estado da Bahia, que na oportunidade discorreram sobre noções de turismo, atrativos históricos, naturais, culturais, além de esclarecer dúvidas sobre a emissão do passaporte, câmbio, turismo interno e externo, a segmentação de demanda turística, alta e baixa estação, bem como a importância da preservação ambiental através da sustentabilidade.

Esta é uma ação do Programa de Qualificação para o Turismo – PROQUALISETUR e tem como objetivo realizar ações de educação e qualificação profissionais para o turismo.
Vale ressaltar que cada curso contribui para a formação de profissionais que já trabalham na área, como comerciários, restaurantes, bares, pousadas, manifestações culturais, artesanato, monitores do turismo, barqueiros e taxistas, bem como de pessoas que desejam se inserir no setor.

BRASIL: Avanço do mar muda litoral brasileiro


Invasao_mar_prado-3

O avanço do mar é um fenômeno registrado no litoral dos 17 Estados brasileiros banhados pelo oceano Atlântico. Levantamentos recentes apontam que, além de avançar em uma velocidade acima do normal em alguns locais, o mar também está recuando em parte significativa do litoral, o que vem mudando o mapa litorâneo.

Especialistas prevêem alterações ainda mais significativas nos próximos anos. Se historicamente o avanço do mar era considerado normal e inofensivo aos seres humanos, as construções litorâneas fizeram o assunto passar a ser visto como “fator de risco, implicando em questões econômicas e sociais.
A pesquisa aponta que “a falta de informações dificulta a tomada de decisões devido à falta de elementos para distinguir se o que ocorre é uma tendência natural, ou um ciclo no qual uma situação de desequilíbrio volta espontaneamente à normalidade. A falta de informações leva as autoridades e especialistas a defenderem mais estudos específicos antes de obras de contenção do avanço do mar.

 

Para os moradores da Bahia, estado que possui o maior litoral brasileiro, com mais de 1.000 km de costa, a situação que se apresenta é mais “confortável”, com 26% do litoral com avanço do mar, 6% de recuo e 8% estabilizado por obras de engenharia.

(Fonte: “Estudo Erosão e Progradação do Litoral Brasileiro”, do Ministério do Meio Ambiente)

Atualização faz iPhone consumir mais que o dobro da bateria


1_20170912175320_660_420-5292655

Uma tremenda má notícia para quem atualizou seu iPhone ou iPad para o iOS 11: o sistema pode consumir até o dobro de bateria do que o iOS 10.

A nova versão do sistema operacional para dispositivos móveis da Apple foi liberada para download na semana passada. Usuários têm reclamado que a bateria do smartphone está durando menos agora do que com a versão anterior.

Para sair do “achismo”, a empresa de segurança Wandera observou o consumo de bateria do iPhone entre 50 mil donos de iPhone. A empresa teve o cuidado de selecionar o mesmo perfil de usuários para que os números sejam compatíveis.

O que a Wandera encontrou é preocupante para quem atualizou seu iPhone na última semana. As estimativas da empresa mostram que, entre usuários do iOS 10, a média é de uso do iPhone por 240 minutos antes que a bateria fique vazia.

Entre usuários do iOS 11, o número é bem menor. São apenas 96 minutos de uso antes que a bateria se esgote. O aumento no consumo de bateria acontece de forma geral no novo sistema. Pela primeira vez, a Apple traz três estados possíveis de Wi-Fi e Bluetooth (além de ligado e desligado, ele pode permanecer funcionando, mas sem qualquer conectividade).

VÍDEO: Carro em alta velocidade atropela 10 pessoas que estavam na pista ajudando um motociclista acidentado


Um acidente ocorrido na manhã de ontem, sábado, 23 de setembro, por volta das 5h30min na BR 316, sentido Belém –Capanema no Nordeste do Pará deixou 10 pessoas atropeladas, sendo que três em estado grave.

9fd3f09964672c26a1af09569f33844658678dfc

Um motociclista caiu no asfalto ao tentar desviar de uma carreta. Algumas pessoas pararam em volta do homem para tentar socorrê-lo, quando foram atingidas por um veículo que surgiu em alta velocidade.

No vídeo abaixo é possível escutar populares discutindo com o motorista, dizendo que ele estava em alta velocidade. O motorista deu toda assistência às vítimas. Em seguida ele prestou depoimento à polícia, fez todo o relato como ocorreu e também fez o teste do bafômetro, que não foi detectado álcool. A polícia investiga o caso.