Banco Sicoob é assaltado e gerente tem explosivos amarrados ao corpo


CAPA-SICOB

Um gerente do Banco Cooperativa Sicoob de 55 anos, foi sequestrado por volta das 19h30 da última quinta-feira, 23 de novembro, quando chegava na sua residência na cidade de Nanuque, interior de Minas Gerais.

De acordo com o registro policial, o gerente contou que dois indivíduos o mantiveram aprisionado a um dispositivo explosivo durante toda a noite e logo pela manhã desta sexta, 24, se deslocaram até a agência Sicoob, no Centro da cidade e lá renderam um por um dos funcionários que chegavam para trabalhar. Todos eles foram trancados numa sala nos fundos da agência.

Ainda de acordo informações, os bandidos estavam com uma pistola e ameaçavam acionar o dispositivo preso ao corpo do gerente, se algum deles acionasse o botão de alarme de pânico para avisar a polícia.

Um dos bandidos falou que pertencia a uma facção criminosa denominada “Novo Cangaço”. Eles fugiram em um veículo preto levando um malote contendo todo dinheiro que estava na tesouraria, além de um revólver calibre 38 do vigilante.

Imagens dos bandidos foram capturadas por câmeras internas e externas do Sicoob e repassadas para as Polícias Civil e Militar. Até o momento ninguém foi preso.