Autor de crime bárbaro em Posto da Mata morre em confronto com militares da 89ª CIPM


00000pi1

Nova Viçosa: Na tarde desta sexta-feira, 28 de outubro, policiais militares da 89ª CIPM e do PETO, com apoio do Coordenador de área, realizavam buscas e diligências a fim de localizar Alison Soares dos Santos, vulgo “Pita”, homicida e ex-presidiário, que era o principal suspeito de ser autor do homicídio que vitimou Wilson Fernandes de Souza, 45 anos de idade, em parceria com o suspeito Rosenilton, que foi preso ainda pela manhã.

Os militares receberam uma denúncia anônima informando que o suspeito estaria escondido nos fundos da Rua Aracruz no Bairro Baía dos Anjos em Posto da Mata. Assim que chegaram ao local, os militares montaram cerco, mas, foram surpreendidos pelo criminoso, que tentando escapar do cerco policial atirou contra os militares. Assustados com a ação do meliante, os militares buscaram refúgio e responderam às investidas do criminoso.

Durante troca de tiros, o “Pita” foi alvejado, e, imediatamente, socorrido ao Hospital Municipal, mas, não resistiu e morreu momentos depois de dar entrada na Unidade Hospitalar. A arma usada por ele foi apreendida e encaminhada à Delegacia de Polícia Civil de Posto da Mata, onde a morte de Alison foi informada e o caso registrado e apresentado ao delegado titular, Maderson Souza Dias.

00000pi2

Com a morte de Alison, a Polícia Civil voltará a ouvir Rosenilton acerca da morte de Wilson, já que a real motivação de tamanha crueldade e violência ainda não foi revelada. O corpo de Pita segue no Hospital Municipal de Posto da Mata, e o delegado solicitou remoção. O corpo será encaminhado ao IML de Teixeira de Freitas, onde será necropsiado e, logo após, liberado aos familiares para velório e sepultamento.

Segundo a polícia, o crime tem características de latrocínio e que os suspeitos eram contumazes em crimes de roubo. Já o Rosenilton alega que a motivação foi por dívida de drogas.

Por: Rafael Vedra/Liberdadenews